O compromisso com nossos clientes é o pilar de nossa reputação.

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Presidente e diretores do TJAP fazem balanço do primeiro ano de gestão e reforçam metas de trabalho para 2018

O presidente do Tribunal de Justiça do Amapá, desembargador Carlos Tork, reuniu com os diretores e assessores do TJAP para o 1º encontro de gestão no ano de 2018. Na ocasião foram deliberadas pautas pertinentes ao horário único, Resolução 219/CNJ, programação orçamentária e agenda dos projetos estratégicos. No que se refere ao horário de funcionamento interno do TJAP (resolução Nº 1167/2017-TJAP), que desde outubro de 2017 vem sendo aplicado nas unidades judiciárias do Estado, o presidente falou da primeira avaliação trimestral, destacando as questões de economia e do cumprimento das metas de produtividade. O Núcleo de Estatísticas da Assessoria de Planejamento do TJAP apresentou dados referentes ao andamento processual e o presidente pediu aos diretores que fizessem uma avaliação de cada setor sobre os trabalhos administrativos. No mês de julho de 2018 será apresentado o resultado final para a continuidade ou não do horário. Dentro da pauta dos projetos estratégicos, o presidente solicitou aos diretores, que também são gestores de projetos, que façam uma reunião dentro do seu grupo de trabalho para a discussão de tarefas a serem realizadas, para que na próxima reunião do coletivo de diretores e assessores seja apresentado o que foi planejado, executado e realizado dentro da programação no período de abrangência. O diretor-geral do TJAP, Gláucio Maciel Bezerra, pontuou com os diretores sobre a utilização das ferramentas de gestão criadas recentemente pelo Tribunal, enfatizando principalmente os indicadores financeiros, ferramenta para autogerenciamento com informações antecipadas para o acompanhamento das tendências tecnológicas. “Se observarmos os indicadores financeiros e aliarmos essa informação à programação financeira, considerando os projetos que estão no planejamento e vinculados a execução desse orçamento, não haverá erro, poderemos entregar uma informação concreta e uma execução orçamentária limpa e equilibrada no final do ano”, reiterou. Dentro do processo de aplicação da Resolução 219/CNJ, o presidente informou que um grupo de trabalho, tendo o diretor-geral na coordenação, apresentará uma proposta de plano de ação para cumprimento das questões administrativas e financeiras. O juiz auxiliar da presidência, João Matos Júnior, falou do trabalho realizado para o cumprimento da norma do Conselho Nacional de Justiça, uma prioridade dada pela gestão do TJAP, após vários diálogos com todas as entidades envolvidas. Com um ano à frente da presidência do TJAP, o desembargador Carlos Tork reconheceu o trabalho realizado pelos diretores do Tribunal e disse que, com a ajuda de todos foi possível resolver as demandas para a construção de um trabalho promissor. “Graças ao apoio de todos vocês conseguimos vencer desafios, com a superação de agendas difíceis neste primeiro ano”, agradeceu.
14/03/2018 (00:00)

Contate-nos

Av. Euclides da Cunha  587  D
-  Santa Rita
 -  Macapá / AP
-  CEP: 68901-527
+55 (96) 981085010+55 (96) 991499681
Visitas no site:  18336
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.